Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.
31a feira internacional da Caça e Armas
3 A 5 MAIO 2019
Santarém | Centro Nacional de Exposições

Seja Expositor da EXPOCAÇA 2019

Após o êxito da edição dos 30 anos da Expocaça, iniciamos um novo ciclo que esperamos vá ao encontro das necessidades de um sector que sente, cada vez mais, a necessidade de voltar a ser olhado por todos como uma importante mais-valia económica e um importantíssimo factor de ordenamento e sustentabilidade ambiental.

Numa altura em que os “ataques” aos Caçadores e à prática da Caça assume proporções cada vez maiores, é absolutamente necessário que a Expocaça se mantenha como afirmação de todos os Caçadores.

É, por isso, cada vez mais “obrigatória” a participação de todos – Caçadores, Empresas, Associações e Clubes.

A 31ª edição da Expocaça vai decorrer de 3 a 5 de Maio, em Santarém.

EXPOCAÇA - A MAIS ANTIGA FEIRA DE CAÇA DA PENÍNSULA IBÉRICA

Sectores de Exposição

  • Armas e Munições
  • Acessórios e Complementos
  • Cutelaria
  • Produtores de Caça
  • Vestuário e Calçado
  • Taxidermia
  • Edição de Livros e Dvd’s
  • Pesca
  • Ótica
  • Correaria
  • Criadores de Cães
  • Organização de Caçadas
  • Viaturas 4x4
  • Associações de Caça
  • Revistas Especializadas

História da Expocaça

2018
2017
2015
2013
2010
1997
1996
1992
1989

30 anos Expoçaça

A comemoração dos 30 anos da Expocaça constituiu um êxito, como este certame há muito não conhecia.

A Expocaça foi um sucesso

Em 2017 a Expocaça cresceu em expositores e visitantes!

É nesta linha que continuamos a trabalhar, em conjunto com todas as Associações e Organizações de Caçadores do País, para que a Expocaça volte a conhecer os grandes sucessos que foram seu apanágio.

O Esforço de todos

Em 2015 e 2016, o esforço de Expositores e da Organização do certame permitiram alguma melhoria e eficácia do certame.

Bodas de Prata da Expocaça

Apesar dessas dificuldades, em 2013 - ano das Bodas de Prata da Expocaça - o certame voltou a conhecer algum crescimento, mas a vitalidade do sector é ainda reflexo da crise que se tem vindo a viver em Portugal.

A Crise Económica

A partir de 2010, seja por força da crise económica, seja por força de alterações legislativas que se reflectiram muito negativamente no sector, a Expocaça passou a sentir as dificuldades por que passaram as diversas empresas ligadas ao sector, tendo muitas sido obrigadas a fechar.

O Crescimento da Expocaça

A partir dessa altura, a Expocaça registou anualmente elevados indices de crescimento, chegando a atingir mais de 200 Expositores e tendo sido visitada por mais de 40.000 pessoas.

Expocaça em Santarém

Indo ao encontro das expectativas e das necesidades de diversas empresas do sector, em 1996 transferimos a realização da Expocaça para o Centro Nacional de Exposições, em Santarém, um local que tem vindo a oferecer as necessárias condições, nomeadamente pela sua localização no centro do País.

Expocaça em Cascais

O crescimento contínuo, quer no número de expositores, quer no número de visitantes, levaram a que a feira se tivésse que realizar num local com mais espaço e melhores condições, tendo sido escolhido o Hipódromo da Quinta da Marinha, em Cascais, onde o certame se realizou de 1992 a 1995.

Nasce em Portugal a 1ª Feira de Caça

Numa iniciativa inédita - em 1989 – nasce em Portugal a 1ª Feira de Caça, que teve lugar no Forum Picoas, em Lisboa. Logo na sua primeira edição, a Expocaça foi um enorme sucesso, passando nos dois anos seguintes a realizar-se na Tapada da Ajuda.